sexta-feira, 16 de setembro de 2016

20º OuTonalidades arranca a 21 setembro!

O programa do OuTonalidades 2016 está servido! 

O “OuTonalidades – circuito português de música ao vivo” cumpre este ano a sua 20ª edição. De 21 de setembro a 15 de dezembro, são 70 concertos de 38 grupos em 40 espaços, distribuídos por Portugal, pela Galiza e por diversas extensões nacionais e internacionais estabelecidas para 2016. Volta a atingir-se, nesta edição, um grande número de concertos e espaços aderentes, o que demonstra a capacidade do evento em gerar novas oportunidades de circulação.

A 20ª edição do circuito arranca com um fim-de-semana em grande. Omiri, a potência sonora da tradição nos nossos dias, às mãos do multi-instrumentista Vasco Ribeiro Casais, tem honras de abertura num concerto no Espaço d’Orfeu, a 21 de setembro, integrado na programação do Festival "O Gesto Orelhudo". No dia seguinte, 22, é a vez da festa de Claiana subir ao mesmo palco. Também na quinta-feira, a dupla portuguesa de chorinho - Gileno Santana & Tuniko Goulart - apresenta-se no Museu Júlio Dinis, em Ovar, integrado no ciclo “Música quinta à noite”, e a dupla galega Uxía & Narf apresenta o seu primeiro disco em conjunto “Baladas da Galiza Imaxinaria”, no Cine-Teatro Alba, em Albergaria-a-Velha, integrado no ciclo “Às Quintas”. Na sexta, sábado e domingo (23, 24 e 25 de setembro) a banda conimbricense Birds Are Indie realiza um périplo de três concertos em três espaços da vizinha Galiza.
 
Semana após semana, os concertos sucedem-se e, além de Águeda, Ovar e Albergaria-a-Velha, o circuito passará também por Santa Maria da Feira, Viseu, Penedono, Tavira, Sever do Vouga, Idanha-a-Nova, Estarreja, Idanha-a-Velha e Famalicão da Serra. Na Galiza, o OuTonalidades circulará por Laxe (A Coruña), Vigo, O Grove, Santiago de Compostela, Lugo, Bueu (Pontevedra), O Barco de Valdeorras, Isla de Arosa e Melide (A Coruña).
 
A grande novidade do OuTonalidades 2016 é precisamente o reatar da dimensão transfronteiriça deste circuito, alargando o roteiro e as oportunidades desde a Galiza ao Algarve, graças a um convénio restabelecido com a AGADIC, a Agência Galega das Indústrias Culturais, em parceria com a Clubtura, Associação Galega de Salas de Música ao Vivo. Birds Are Indie, CoMcORdAs e Serushio são os grupos portugueses que viajam até à Galiza com o OuTonalidades.
 
Para além do alargamento à Galiza, o 20º OuTonalidades conta ainda com várias extensões, pontes de cooperação internacional e nacional, fruto de parcerias da d’Orfeu AC, prosseguindo a sua missão de incentivo à circulação da música ao vivo, num trabalho em rede cujas sinergias extravasam o tempo e os espaços do próprio evento. Esta circulação, em franca expansão, leva este ano 14 grupos a realizar 22 concertos em 4 países: Portugal, Espanha, França e, pela primeira vez, no Brasil.
 
Chega agora o momento de, durante 14 fins-de-semana, o circuito português de música ao vivo voltar a palmilhar o país de lés-a-lés, através de uma alargada rede de Espaços abertos à diversidade das músicas que se fazem em território nacional, mas não só. O circuito é coordenado pela d’Orfeu AC em colaboração direta com inúmeros parceiros (Municípios, Teatros, Associações), na consolidação de uma grande rede de programação que junta grupos emergentes e reconhecidos, todos de inegável qualidade, resultantes de um processo que iniciou com 253 grupos candidatos a esta 20ª edição, dos quais se constituiu uma Bolsa de 112 grupos pré-selecionados e se chegou aos 38 que será possível conhecer ao vivo!


GRUPOS PROGRAMADOS NA 20ª EDIÇÃO:
A Charanga – Adufe & Alguidar - Birds Are Indie - Cachupa Psicadélica - César Cardoso Quartet "Bottom Shelf" - Celina da Piedade – Claiana – CoMcORdAs – Crassh - Edu Miranda Trio - Fábio Neves (Brasil) – Flak – Gapura - Gileno Santana & Tuniko Goulart - Golden Slumbers - Isabel Vinardell & Isabelle Laudenbach (Espanha) - João Pequeno - Kátya Teixeira (Brasil) - Kepa Junkera Trío (Espanha) - Korrontzi (Espanha) - Maria Monda - Medeiros/Lucas – Noiserv - Nuno Prata – Omiri - Oques Grasses (Espanha) - Pedro Mestre – Peixe - Reportório Osório – Sampladélicos - Sebastião Antunes – Serushio – Songbird - They Must Be Crazy - Uxía & João Gentil (Espanha / Portugal) - Uxía & Narf (Espanha) - We Bless This Mess - [Caméra] (França) 


PROGRAMA DETALHADO DE CONCERTOS:

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Águeda faz o 15º Festival O Gesto Orelhudo, de 21 a 25 setembro


Águeda | Espaço d’Orfeu
21 a 25 setembro 2016
 
www.dorfeu.pt/ogestoorelhudo
www.facebook.com/dOrfeuAC


PROGRAMA COMPLETO
Quarta 21 setembro 
21h30  Pozzo – O Porco Que Dança

 22h45  OMIRI


Quinta 22 setembro

21h30  Samuel Úria “Carga de Ombro”
  


22h45  
Claiana



Sexta 23 setembro

22h00  Bowjangles (Reino Unido)

23h30  Os Improváveis “ImproFado”
 

Sábado 24 setembro
 

22h00  
Retimbrar “Arraial”

23h30  
Puncture Kit (Austrália)



Domingo 25 setembro
 

18h30 
La Güasa “Mobil” (Espanha)


Sábado + Domingo
@ Ruas da Baixa

e
m parceria com Águeda +B
Entrada Livre


14h00 (sáb/dom)  Garabato de Bicicleta (Barcelona)
16h00 (sáb/dom)  Kamishibai | Museu do Brincar
17h30 (sábado)  Triciclo Vivo c/ Bike Sound System
19h00 (sábado) Puncture Kit (Austrália)
17h30 (domingo)  Retimbrar & opÁ! em arruada até à Venda Nova*
18h30 (domingo) @ Espaço d’Orfeu  “Mobil” (encerramento)

*arruada até à Venda Nova será antecedida por Oficina de percussão com os Retimbrar, utilizando materiais de bicicletas, a partir das 14h30. INSCRIÇÕES: d'Formação <dformacao@dorfeu.pt> ou 936 006 313 .

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Regresso à d'Formação - Inscrições abertas!

OFERTA FORMATIVA 2016/2017
Canto na Gravidez é a grande novidade deste ano! 

Já estão a decorrer as inscrições para o primeiro trimestre (outubro, novembro, dezembro) da d’Formação. Com uma ampla oferta de cursos regulares, cursos pontuais e workshops nas áreas de Música, Teatro, Cultura e Técnicas, o novo ano da d'Formação prossegue com a vontade de proporcionar um ensino artístico plural e acessível a todos, apresentando agora uma nova atividade: o Canto na Gravidez. 

São várias as propostas para o ano letivo 2016/2017, dirigidas a todas as idades e a qualquer nível de aprendizagem: Acordeão, Bateria, Bandolim, Canto, Cavaquinho, Clarinete, Concertina, Flauta Transversal, Gaita de Foles, Guitarra Acústica, Guitarra Elétrica, Percussão Tradicional, Piano, Viola Braguesa, Violino e Formação Musical. Ao longo de todo o ano letivo está aberta a possibilidade de se ampliar a oferta a outros instrumentos, de acordo com o interesse manifestado pelos formandos. Qualquer aula pode ser dada em regime Individual, Naipe (classe de conjunto do mesmo instrumento) ou Tocata (classe conjunto diferentes instrumentos). A Bolsa EMtrad', cujo período de candidaturas será brevemente anunciado, voltará a atribuir duas bolsas de estudo que permitem o acesso gratuito a aulas de música para jovens de famílias com baixo rendimento familiar.
 
A novidade deste ano é uma atividade para grávidas. O Canto na Gravidez decorrerá nas manhãs do primeiro sábado de cada mês e pretende estabelecer uma importante fonte de bem estar para a mulher, bem como a criação de laços afetivos com o seu bebé, uma vez que o feto assimila várias aprendizagens através do som.
 
A opÁ! - orquestra percussiva de Águeda mantém a sua atividade formativa de carácter social e comunitário em estreita relação com as IPSS, escolas e associações do concelho de Águeda. Todos os adolescentes e jovens, entre os 10 e os 18 anos, que também desejarem fazer parte deste projeto, poderão inscrever-se a título individual numa sessão semanal aberta ao público, através do e-mail opa@dorfeu.pt

O Núcleo de Teatro (para adultos) e a Expressão Teatral (para jovens dos 12 aos 16 anos) continuam a formar novos talentos, abordando diversas técnicas de expressão corporal e vocal. Nas expressões Artísticas, para crianças dos 4 aos 6 anos, são exploradas as técnicas teatrais associadas à música e às artes plásticas num atelier experimental.

A 25 de setembro, a partir das 14h30, decorrerá uma Oficina de Percussão muito especial com o grupo Retimbrar, incluída na programação do Festival O Gesto Orelhudo. Destinada ao público em geral, esta oficina pretende desenvolver criativamente as capacidades percussivas dos seus participantes, utilizando materiais de bicicletas, em estreita parceria com o evento Águeda +B.
 
A formação externa continua a ganhar expressão sobretudo nas formações musicais e parcerias realizadas em Infantários, Instituições e Agrupamentos de Escolas do concelho de Águeda com conteúdos pedagógicos diversificados, adaptados, criados especificamente para cada contexto. São exemplo disso o “1º Curso Livre de Música Tradicional” no Conservatório de Música de Aveiro Calouste Gulbenkian, a reconstituição do grupo de teatro da ACSA – Associação Cultural dos Surdos de Águeda, entre outros projetos desenvolvidos no último ano letivo.
 
Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail: dformacao@dorfeu.pt, na página www.dorfeu.pt/dformacao, pelos telefones 234603164 / 934623775 ou presencialmente na d’Orfeu, no horário habitual de atendimento (9h30-12h30 e 14h00-18h30).

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Vive, como Voluntário, a 15ª edição do Festival "O Gesto Orelhudo"!

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA
VOLUNTÁRIOS DO FESTIVAL


À 15ª edição, o Festival “O Gesto Orelhudo” reinstala-se no Espaço d’Orfeu e aproveita as saudades frescas do verão para apresentar novidades. O programa, que inicia na noite de 21 de setembro (quarta-feira) numa grande tenda, estende-se desta vez até domingo à tarde, incluindo um programa de fim-de-semana na baixa da cidade, em parceria com o evento Águeda +B. Ao todo, são 14 espetáculos no cartaz deste ano, trazendo a Águeda companhias e artistas de Portugal, Espanha, Reino Unido e Austrália.

Junta-te à equipa orelhuda!
Ajuda bem-vinda:
- Bilheteiras;
- Banquinha d'Orfeu;
- Controle de acessos;
- Acompanhamento de artistas;
- Apoio logístico;
- Apoio a montagens técnicas;

Vantagens da experiência de voluntariado na d’Orfeu:
- Tomar contacto com a dinâmica da produção de eventos;
- Contribuir para a realização de atividades culturais;
- Conviver de perto com artistas;
- Assistir a um leque diverso de espetáculos;
- Conhecer pessoas novas;
- Cinco dias intensos de entre-ajuda e convívio;

A d'Orfeu garante:
- Refeições nos dias de apoio ao festival;
- Seguro de acidentes pessoais;
- Alojamento (se necessário);
- Credencial de acesso ao festival;
- T-shirt d'Orfeu (novos voluntários);
- Certificado de voluntariado;

Inscreve-te já! 

A equipa d'Orfeu agradece o teu apoio!
Para mais info, contactar: Ricardo Falcão <ricardo@dorfeu.pt> ou 936006313.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

O Gesto Orelhudo mais cedo: 21 a 25 setembro!

O Gesto Orelhudo sobre rodas, agora em setembro!
21 a 25 setembro 2016
Espaço d’Orfeu, ÁGUEDA
À 15ª edição, o Festival O Gesto Orelhudo reinstala-se no Espaço dOrfeu e aproveita as saudades frescas do verão para apresentar novidades. O programa, que inicia na noite de 21 de setembro (quarta-feira) numa grande tenda, estende-se desta vez até domingo à tarde, incluindo um programa de fim-de-semana na baixa da cidade, em parceria com o evento Águeda +B. Ao todo, são 14 espetáculos no cartaz deste ano, trazendo a Águeda companhias e artistas de Portugal, Espanha, Reino Unido, Austrália.

A noite de abertura acolhe “Pozzo – O Porco que Dança”, recente coprodução entre d’Orfeu AC e a jovem companhia Cão à Chuva, coletivo que já espantou Águeda com a irreverência e talento de “Lullaby”. Na quinta-feira, 22, é a vez de Samuel Úria subir ao palco com o seu novo trabalho “Carga de Ombro”. Do Reino Unido, em estreia absoluta em Portugal, chegam os “Bowjangles”, hilariante quarteto de cordas que vai deixar o público de queixo caído na noite de sexta-feira, 23. No sábado, 24, comemora-se um Arraial que vai encher o palco de forma completamente orelhuda, com os Retimbrar. De quarta a sábado, no encerramento de cada noite, haverá também, Omiri, o baile eletrónico do multi-instrumentista Vasco Ribeiro Casais (21 setembro); a festa multicultural de Claiana (22 setembro); o espetáculo 100% improvisado, e portanto irrepetível, Improfado, pel’Os Improváveis (23 setembro); e a bicicleta-bateria Puncture Kit, que nos chega da Austrália (24 setembro). 

Durante as tardes de sábado e domingo, o festival associa-se ao evento Águeda +B, projeto que quer afirmar Águeda como capital da bicicleta. Assim, em parceria com O Gesto Orelhudo serão apresentados espetáculos sob o mote das duas rodas. A companhia Guixot de 8, de Barcelona, instala o seu “Garabato de Bicicleta” na baixa (sáb/dom), o Museu do Brincar traz-nos Kamishibai (sáb/dom), Triciclo Vivo apresentam-se com um Bike Sound System (sáb); Puncture Kit, da Austrália, vem com a sua bicicleta-bateria (sáb/dom). No domingo, Retimbrar & opÁ! fazem uma arruada de percussão até à Venda Nova onde, pelas 18h30, na grande tenda do Espaço d’Orfeu terá lugar o encerramento de ambos os eventos, com o espetáculo “Mobil”, pela companhia espanhola de circo-teatro La Güasa.

O Gesto Orelhudo cumpre quinze edições de orelhas no ar, fundindo música, teatro e humor, num festival único no país. Ano após ano, somam-se as grandes noites e as soberbas memórias, nunca se sabendo quando estamos perante um novo momento de viragem para tão orelhuda ideia de festival. Numa edição em que se assinalam dez anos consecutivos desde que o festival se tornou uma iniciativa conjunta da d’Orfeu AC e do Município de Águeda, surge a parceria com o evento Águeda +B, estimulando algumas das propostas do festival e o próprio modelo da programação. Esta 15ª edição do Festival “O Gesto Orelhudo” é para ser vivida em roda livre!

O Passe Orelhudo, válido para todo o festival, estará antecipadamente à venda, no Espaço d’Orfeu. Toda a informação sobre programa e bilhetes está já disponível em www.dorfeu.pt/ogestoorelhudo.

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Tito Paris, quinta-feira, o último grande nome do Festim 2016!

Festim 2016 termina em grande, com Tito Paris!

QUI 21 JULHO, 22:00  Largo 1º Maio (Agitágueda) - ÁGUEDA


O programa do Festim 2016 chega ao fim esta quinta-feira, em Águeda, ao som do cabo-verdiano Tito Paris. Os postais desta 8ª edição do festival intermunicipal de músicas do mundo circularam por Águeda, Albergaria-a-Velha, Sever do Vouga, Ovar, Estarreja e Oliveira do Bairro, num total de 15 grandes concertos, desde 9 de junho. O cartaz deste ano conquistou milhares de pessoas que embarcaram na viagem por quatro continentes. Sextet à Claques (França), Tomás de Perrate (Espanha), Ibrahim Ferrer Jr (Cuba), Tinariwen (Mali), Trilok Gurtu Band (Índia) e Cheikh Lô (Senegal) trouxeram o melhor das músicas do mundo à região, num modelo singular de programação em rede entre seis Municípios vizinhos.

Paris é um dos maiores expoentes da música caboverdiana. A voz quente afirma-se sedutora e a guitarra ostenta uma eloquência ainda mais apaixonante. Toda a morabeza cabe neste filho querido de Cabo Verde, esse arquipélago exportador de talentos musicais para o mundo. A melancolia e os movimentos bamboleantes e insinuantes são uma profunda manifestação de “sodade”. Tito Paris, um artista de eleição e embaixador da alma musical do seu país, preserva o génio crioulo e é uma das propostas felizes do Festim 2016, que começa e acaba com grandes tentações para dançar.

Tito Paris - guitarra e voz
Manuel Paris - baixo 
Moisés Ramos - piano 
Paulo Figueiredo - guitarra elétrica
António Paris - bateria
Paulino Pina - percussão
Daniel Salomé – saxofone e clarinete 
Tomás Pimentel - trompete 

PROGRAMA COMPLETO (versão digital):

Sextet à Claques (França) | Tomás de Perrate (Espanha) | Ibrahim Ferrer Jr (Cuba) | Tinariwen (Mali) | Trilok Gurtu Band (Índia) | Cheikh Lô (Senegal) | Tito Paris (Cabo Verde) 

9 junho a 21 Julho 2016  |  8ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA
OVAR * ESTARREJA * OLIVEIRA DO BAIRRO 

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Cheikh Lô é o senhor que se segue no Festim 2016!

Do Senegal, afro-pop nos palcos do Festim com Cheikh Lô!

QUI 14 JULHO, 22:00  Largo 1º Maio (Agitágueda) - ÁGUEDA
SEX 15 JULHO, 22:00  Cineteatro Alba - ALBERGARIA-A-VELHA


A voz de Cheikh Lô é elegante, atraente, espiritual e festiva. Uma pulsação africana cosmopolita, partindo dos subúrbios de Dakar para o mundo. Amado no Senegal e admirado por melómanos de todo o planeta, Cheikh Lô é um dos gigantes da música dessa África criativa que nos arrebata a cada pulsação. A figura delgada de Cheikh Lô, com décadas de música no corpo, encerra um inovador incansável, empurrando as fronteiras da sua própria música. Lô acaba de ser galardoado com o prémio carreira no maior evento mundial de world music, a Womex 2015. Mais um gigante no Festim!


Cheikh N´Digel Lô – voz, guitarra, timbal
Baye Mahanta Diop - guitarra
Alassane Cissé - baixo
Khadim M’Baye - percussão (sabar)
Wilfrid Zinsou – trombone, sax
Badou N´Diaye - bateria

Samba N´Dokh - talking drums

PROGRAMA COMPLETO (versão digital):


Sextet à Claques (França) | Tomás de Perrate (Espanha) | Ibrahim Ferrer Jr (Cuba) | Tinariwen (Mali) | Trilok Gurtu Band (Índia) | Cheikh Lô (Senegal) | Tito Paris (Cabo Verde) 

9 junho a 21 Julho 2016  |  8ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA
OVAR * ESTARREJA * OLIVEIRA DO BAIRRO 

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Trilok Gurtu, o mago da percussão mundial no Festim!

Trilok Gurtu Band (Índia) com 3 concertos imperdíveis esta semana!

QUI 7 JULHO, 22:00  Largo 1º Maio (Agitágueda) – ÁGUEDA
SEX 8 JULHO, 22:00  Cine-Teatro de Estarreja – ESTARREJA
SÁB 9 JULHO, 22:00  Parque Urbano – SEVER DO VOUGA


Percussionista de classe mundial. Conhecido pelas suas experiências de fusão dos ritmos do mundo, Trilok Gurtu é um mestre inigualável nas tablas indianas mas, ao mesmo tempo, senhor de uma linguagem multi-estilística, numa perceção que só um ‘globetrotter’ como Trilok pode captar. E chega ao Festim com o seu quarteto, prometendo espaços de etno-jazz e de fusão, sem esquecer a sua veia de entertainer, sempre em grande interação com o público. A legião de seguidores de Trilok Gurtu, esse percussionista universal, vai acorrer a três concertos seguramente memoráveis.

Trilok Gurtu – percussão e voz
Jonathan Ihlenfeld Cuniado - baixo
Jesse Milliner – teclados
Christian Kappe – trompete


PROGRAMA COMPLETO (versão digital):


Sextet à Claques (França) | Tomás de Perrate (Espanha) | Ibrahim Ferrer Jr (Cuba) | Tinariwen (Mali) | Trilok Gurtu Band (Índia) | Cheikh Lô (Senegal) | Tito Paris (Cabo Verde) 

9 junho a 21 Julho 2016  |  8ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA
OVAR * ESTARREJA * OLIVEIRA DO BAIRRO